domingo, dezembro 8, 2019

O que vale mais: um anúncio publicitário ou a opinião de uma pessoa? Se você acredita mais na opinião, você está com 83% dos entrevistados em levantamento feito pela Nielsen Global Trust. A informação foi compartilhada por Cristiano Machado, CEO da Amplifique-me, durante o Seminário de Hotelaria, promovido pelo Sebrae/PR, no dia 23 de outubro, em Curitiba.

Machado defende a importância da propaganda boca a boca na tomada de decisões, quando o assunto é a escolha da hospedagem. O especialista em impulsionar negócios do ramo hoteleiro por meio de avaliações positivas foi um dos palestrantes do evento. Os palestrantes apresentaram soluções, tendências e rumos do setor de hotelaria.

Quanto mais tecnologia no processo, mais tempo para o empresário investir em temas que fazem a diferença em seu negócio: relacionamento, atenção aos detalhes na hospedagem e experiência.

“A facilidade permitida pelos aplicativos está mudando a forma como nós consumimos, principalmente na cadeia da hotelaria. Um quarto virou commodity, então como eu vou ganhar dinheiro se eu não consigo mais diferenciar minha tarifa?”, questiona a consultora do Sebrae/PR Maria Fernanda Miotto Reis.

O que alma e abelhas têm a ver com inovação?

Se estamos falando em tendências e facilidades no setor de hotelaria, tudo! A empreendedora Eduarda Guimarães de Almeida decidiu seguir seu coração e suas melhores lembranças de infância quando optou por deixar a carreira de Química de lado para se dedicar à construção do Hostel O Bosque.

Foram 6 anos até abrir as portas do primeiro hostel slow design do mundo, que preza pela natureza, seja dos materiais ou dos espaços que geram bem-estar e uma pausa em seu dia para aproveitar o ambiente.

“A inovação não vem apenas por meio da tecnologia, mas também em acreditar no quanto a trajetória de cada um deve estar nesse negócio. É trazer pra seu público a alma de quem está por trás”, defende Eduarda.

A empresa Omnibees – que em uma livre tradução significa algo parecido como “todas as abelhas” – garante tempo livre para esse reencontro da essência da hospitalidade. Em uma única plataforma, o hotel consegue administrar suas reservas com os diferentes fornecedores de turismo onde é ofertado.

“O hotel economiza tempo de operação que poderia ser gasto com retrabalho. A ferramenta possibilita que a hospedagem aumente seu potencial de vendas, disponibilizando suas vagas em todas as vitrines de interesse do cliente. Nesse universo de tantas informações, é importante ter estratégias para atrair a atenção, garantir a reserva e a conversão”, alerta Juliane Weber.

Especialista apresentou as principais tendências para a hotelaria em 2020

A especialista no mercado de Turismo, Marta Poggi, compartilhou as principais tendências da hotelaria em 2020. “Seus hóspedes vão querer uma chave digital para abrir o quarto e, de preferência, fazer check-in num totem para evitar filas. Já existe até hotel com robô como concierge. A sustentabilidade também está na lista de preferências: os hóspedes estão dispostos a pagar mais por hotéis com práticas sociais ou com práticas de respeito ao meio ambiente. É um pacote de inovações para atender às expectativas do viajante 4.0, focado em experiências”, explicou Poggi.

Segundo a palestrante, as mídias sociais também seguem impactando o segmento. Foi o que aconteceu com Marilea Brito, que soube do evento do Sebrae enquanto navegava pelo Facebook. Planejando abrir uma pousada, ela decidiu participar do seminário de hotelaria para entender melhor como pode se posicionar para se diferenciar nesse setor.

“Foi ótimo conhecer tantas tendências que vieram de fora do País e que já estão sendo adotadas aqui. Precisamos estar atentos a essas novidades. As experiências apresentadas de sustentabilidade e planejamento foram para mim grandes diferenciais, comum a abordagem que abriu meus olhos para aspectos nos quais eu ainda não havia pensado”, avaliou.

A diretora da @Etourism_viagens, Rafaela Pilagallo, saiu do evento pronta para colocar em prática as inovações que mais chamaram sua atenção, acessíveis a seu negócio.

“Gostei muito da capacitação ‘Marketing boca a boca’, que resgata a essência dos prestadores de serviço de uma maneira sutil e simples: a arte de receber de maneira prazerosa. Vejo que estou no caminho certo com os clientes e quero trazer para nossa oferta tudo que aprendi hoje, no Sebrae/PR”, planejou.

Fonte: Revista Marco Zero

0 Comments

Leave a Comment

This is a Sidebar position. Add your widgets in this position using Default Sidebar or a custom sidebar.